Colégio Estadual Manoel Ribas
Criado em 1953, o Colégio Manoel Ribas completa, no dia 10 de outubro deste ano de 2003, seus 50 anos.
Num terreno cm área de 13.600m2, e uma área construída de 6.130m2, o prédio, com influência renascentista européia, é de rara beleza arquitetônica, tendo sido restaurado recentemente, dentro das mais modernas técnicas de preservação de estilo.
Numa campanha iniciada há alguns anos atrás, o Maneco, que já era Patrimônio Histórico municipal, foi também juntamente com o conjunto arquitetônico da Vila Belga, tombado como patrimônio histórico estadual.
Já tendo sido referência como colégio padrão do Rio Grande do Sul, ao longo desses anos, o Maneco continua sendo referência no ensino da região centro do estado.
Grandes homens e mulheres de destaque iniciaram seu exercício de liderança no Maneco. Ou seja, através de seu Grêmio estudantil, o colégio foi e continua sendo uma espécie de escola de formação de lideranças políticas e comunitárias.
Foram alunos do Maneco vários reitores da UFSM, prefeitos de Santa Maria e região, além de deputados e secretários de estado que freqüentaram suas salas de aula. Grandes profissionais das mais diferentes especialidades ainda hoje falam com saudade do tempo em que estudaram em seus bancos escolares.
O Maneco, ao longo destes 50 anos de existência, marcou no coração de muita gente. É saudade de colegas, de professores, de namorados, de amigos antigos.
Seus ex-alunos, ex-professores e a comunidade da região vibram quando ouvem as notas musicais de sua querida banda marcial que há mais de 40 anos se apresenta pelas ruas de Santa Maria, abrilhantando eventos e datas comemorativas.
Hoje, Escola Estadual de 2. Grau, funcionando em três turnos, o Colégio tem aproximadamente, 2.600 alunos, com um quadro de 140 professores e 36 funcionários.
Fonte: Direção da Escola Manuel Ribas

 

© Copyright 2002, Santa Maria Tur.
Resolução mínima de 800x600